Spin-off: Pokémon Battle Revolution

Pokémon Battle Revolution

Pokémon Battle Revolution foi o primeiro jogo de Pokémon do Nintendo Wii. Possui conectividade com o Nintendo DS para trocar pokémons com os jogos da 4ª geração (Diamond, Pearl, Platinum, HeartGold e SoulSilver), podendo inclusive usar o Nintendo DS como controle. Foi lançado no Japão em 14/12/2006, duas semanas após o lançamento do Nintendo Wii, e nos Estados Unidos em 25/02/2007. Foi desenvolvido pela Genius Sonority, a mesma empresa que fez Pokémon Colosseum, Pokémon XD – Gale of Darkness, e Pokémon Trozei.

O jogo oferece 11 colosseums (ou coliseus) localizados numa ilha chamada Pokétopia. Outra novidade são estádios que influenciam na batalha, como por exemplo tornando aleatória a ordem dos pokémons. Os jogadores podem customizar por completo a aparência do seu personagem, alterando chapéus, shorts, óculos e outras coisas. Na versão americana, é possível também alterar a cor da pele. O jogo também disponibiliza um modo de batalha contra 100 treinadores após finalizar o jogo uma vez. Uma diferença chave (e muito criticada) deste jogo em relação aos anteriores da série Stadium é que não existem minigames neste jogo. O jogador pode escolher 6 pokémon e pegar um Hental Pass para competir nos colosseums, ou então fazer upload dos Pokémons de Diamond, Pearl, Platinum, HeartGold ou SoulSilver e usá-los com um Custom Pass. Por conta disso, apesar de existir 493 pokémons “disponíveis” em Battle Revolution, não há muita liberdade de escolha caso o jogador não tenha um Nintendo DS.

Graficamente, o jogo recebeu algumas melhorias comparando com Pokémon Colosseum e Pokémon XD – Gale of Darkness (ambos para GameCube). Agora, ao usar ataques físicos, os pokémons realmente “tocam” o oponente na mesma cena, ao invés de mostrar um dos lados atacando e depois cortando a cena para mostrar o outro recebendo o golpe. E assim como na série Stadium, em Pokémon Battle Revolution possui um apresentador que comenta a batalha “ao vivo”. Mas apesar destas melhorias, os pokémons até a 3ª geração fazem mesmas animações usadas em Pokémon Colosseum, o que não causa uma boa impressão para quem já jogou os jogos anteriores. Quase todos os treinadores também fazem as mesmas animações.

Prós:
Possui belos gráficos.
– É o primeiro jogo de Pokémon para um console caseiro que permite jogar com outros através da internet.
– Batalhas possuem narração ao vivo.
 
Contras:
Não existem minigames nem modo RPG, como em jogos anteriores.
– Liberdade de escolha de pokémons quase nula, caso o jogador não tenha um Nintendo DS e os jogos da 4ª geração.
– O jogo não aproveita o sensor de movimento do wiimote.

Screenshots:

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on TumblrEmail this to someonePrint this page