Racismo em Pokémon

Em janeiro de 2000, a pokémon Jynx recebeu uma crítica de ser “um pokémon politicamente incorreto”. Uma autora afro-americana chamada Carole Boston Weatherford publicou um artigo crítico nos jormais americanos alegando que Jynx representava uma imagem racista perante os afro-americanos.

A autora descreveu a pokémon da seguinte forma: comparado aos demais pokémons, Jynx possui características mais humanas. Possui uma pele de cor preta, lábios rosados, olhos arregalados e com uma cabeleira loira.

Em resposta a essa controvérsia, os sprites de Jynx nas versões americanas de G/S/C foram recoloridos, dando a ela uma pele roxa, um cabelo branco e uma expressão diferente.

Sprites de Jynx em Gold, Silver e Crystal (normais e shinies):

Versão Japonesa:Spr 2g 124 jp.pngSpr 2g 124 s jp.pngSpr 2s 124 jp.pngSpr 2s 124 s jp.pngSpr 2c 124 jp.pngSpr 2c 124 s jp.pngSpr b 2g 124 jp.pngSpr b 2g 124 s jp.png

Versão Americana:Spr 2g 124.pngSpr 2g 124 s.pngSpr 2s 124.pngSpr 2s 124 s.pngSpr 2c 124.pngSpr 2c 124 s.pngSpr b 2g 124.pngSpr b 2g 124 s.png

No mesmo ano, o personagem Sr. Popo, da série Dragon Ball, foi criticado por possuir características semelhantes às da Jynx. Em resposta, o Sr. Popo foi desenhado com lábios menores no mangá e apareceu recentemente no anime Dragon Ball Kai com o tom de pele azulada.


Sr. Popo – Dragon Ball

Desde então, Jynx foi desenhada com a pele roxa nos sprites dos games e nas artworks mais recentes. Entretanto, sua imagem só mudou no anime em 2005. As críticas surgiram na época em que pokémon havia se popularizado nos EUA, após Jynx ter aparecido em alguns episódios da liga índigo e liga laranja. No episódio 252 (A caverna de gelo) aparecia uma Jynx, e foi banido. No AG013 Jynx fez uma breve aparição, e a 4Kids fez um corte na cena em que Jynx aparece.


Jynx no episódio 252 e Jynx no AG013

Jynx só voltou a aparecer no anime aqui no ocidente no AG115, onde apareceu com a pele roxa e braços brancos. Desde então Jynx mantém essa coloração no anime para não sofrer censura no ocidente. Já no mangá, onde sua coloração era completamente preta, passou a ser um cinza escuro.


Jynx nos AG 115 e AG 168

Recentemente, outro caso polêmico aconteceu. É possível perceber que não é comum vermos personagens negros em pokémon. Eis que surge Lenora, uma líder de ginásio da região Unova. Sua artwork original retratava Lenora com um avental (assim como seu respectivo sprite nos games), porém, antes dos games Pokémon Black/White virem para o ocidente, sua artwork foi redesenhada, agora com ela segurando o avental nas costas:


Lenora – artwork original e versão editada

Provavelmente, os produtores não queriam problemas com a imagem de Lenora quando os games fossem anunciados no ocidente, por esta razão “removeram” o avental. Embora não houvesse surgido nenhuma reclamação por parte dos EUA, a preocupação que os japoneses tiveram era de que o avental de Lenora lembrasse as escravas que trabalhavam como serventes domésticas, fazendo Lenora possuir uma aparência similar à dessas escravas.

No anime, a Lenora apareceu vestindo seu avental normalmente no Japão. Já os EUA receberam os episódios já alterados. Os próprios animadores japoneses editaram os episódios removendo o avental de Lenora antes de enviá-los para o ocidente. Apesar de tudo, o sprite dela na versão americana do jogo não foi alterado. Depois do caso da Jynx, o Japão pensa duas vezes antes de enviar qualquer material onde haja um negro em questão.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on TumblrEmail this to someonePrint this page

Comments

comments

Robert

Webmaster da Pokémon Mythology. Responsável pela redação e administração. Escreve a maior parte do conteúdo do site, em especial os detonados.

Você também pode gostar de...