Missingno: Efeitos Colaterais

Efeitos Colaterais

Capture-o por sua conta e risco!

De acordo com um rumor (lenda?), a captura de um Missingno fará com que seu jogo Game Boy apague todos os dados guardados, ou no mínimo, um Missingno em seu jogo fará com que todos os seus dados do Game Boy fiquem inacessíveis para o jogo de Nintendo 64 Pokémon Stadium. O fato é que ele não pode apagar o seu jogo nem sobrescrever seu jogo salvo. Os games podem sim ter seus arquivos corrompidos, mas Missingno não tem nada a ver com isso. Esses games já estão velhos e muitas vezes as baterias já estão gastas, o que pode fazer com que os arquivos sejam apagados e você não consiga salvar.

Em todo caso, se você realmente nunca encontrou ou capturou um Missingno antes, recomendo extremamente que esteja ciente de tudo antes de tentar fazê-lo, ou pode se arrepender depois.

Multiplicação do 6º item da mochila

Qualquer que seja o item que esteja na 6ª posição de sua mochila terá a quantidade aumentada para um número absurdo, seja qual for o método que tenha usado para encontrar MissingNo. É bom certificar-se de não ter nenhum Key Item nessa posição, pois como não podem ser deletados, irão ficar ocupando o espaço da mochila. Preencher sua bolsa de bicicletas não terá finalidade alguma.

Hall of Fame Corrompida

Supondo que você já tenha derrotado a Elite 4, seu Hall of Fame ficará totalmente bagunçado. Você irá ver muitos pokémons que não possui, os símbolos ficarão bagunçados e a música de fundo irá mudar (ficando um tanto estranha). Ao visualizar o seu Hall of Fame, o jogo começará a ler as músicas de fundo de maneira errada e aleatória, resultando no som esquisito.

A seguir você pode ouvir o som de um Hall of Fame afetado pelo Missingno e uma imagem de como ficam os pokémons:

Clique aqui para ouvir os sons da Hall of Fame

 

Aqui está o relato mais famoso de um pokéfã que testou o glitch: “Eu mesmo testei a dica na minha versão vermelha e eu não dormi hoje à noite. Fui olhar o restante do game e vi que o meu Hall of Fame estava todinho bagunçado, e apareciam nomes desconhecidos, e em alguns apareciam a palavra ROCKET. Estou concluindo que Giovanni, o susposto pai de Ash, pode haver ligações com MissigNo/’M. Ou podemos concluir simplesmente que ambos os dois pokémons (se é que podemos denominá-los assim) foram criados como pokémons Beta (mas que esqueceram de removê-los do game) e a suposta parte terra/água em Seafoam Islands ou Cinnabar Island (não lembro agora), como todas as outras partes do game deveria ser definida que tipo de pokémon apareceria e em que nível. Mas aquele lugar foi esquecido e Magnemites (o que já é incomum) aparecem no Level 160, ou mesmo Arboks…é complicado dizer o que é ‘M e MissingNo. Continuando minha história…quado vi estes nomes, escutei sons horríveis vindo do GameBoy e aquele fantasma da Torre de Lavander (sim, um que parece o Haunter, mas mais redondo e com as mãos pertos do corpo) em todo lugar e aqueles sons e imagens me deram pesadelos. Eu capturei ‘M, mas desliguei o GBA quando vi MissingNo lá, na minha frente, no lv. 256, com aquela cara daquele fantasma da torre. Quase pirei na hora…”

Como podemos ver, enquanto para o nosso amigo aparecia a palavra “ROCKET”, para a nossa imagem logo acima apareceu a palavra “LAND” (acima do Scyther). Isso acontece porque Missingno sempre bagunça de maneira diferente. O mesmo acontece com a música de fundo, repare que no nosso exemplo acima a música mudou de melodia de repente, enquanto para o nosso amigo mudou para o tema de Lavander.

Gráficos corrompidos

Este efeito só acontecerá caso você realmente CAPTURE MissingNo. Os gráficos do seu personagem, seu pokémon e do pokémon adversário irão ficar invertidos e desmembrados sempre que atacar. Esse efeito não é permaneite e dura cerca de 10 a 15 minutos até parar de acontecer. Às vezes volta por um instante mas sempre se vai por conta própria.

Glitch City

Essa é uma cidade falsa, no meio do mar, apelidada pelos fãs de Glitch City. Mas como entrar nela? Eu não consigo ver no meu mapa!

É simples, para entrar faça o seguinte: vá para a Safari Zone, pague os $500 e entre lá. Saia de lá 5 vezes, e quando o guarda perguntar se você realmente quer sair, responda que não. Após fazer isso 5 vezes, salve dentro da Safari Zone. Desligue e ligue o Game Boy ou Emulador. Você começará o jogo dentro da Safari Zone. Saia de lá. Em vez de perguntarem se realmente quer sair, lhe perguntarão se você quer entrar! Responda não. Muito bem, está na metade do caminho!

Após isso, use o fly e vá para as Cinnabar Islands, e comece a surfar na área metade terra, metade água, na parte direita da ilha. Fique surfando sem sair para os lados, até dar o Ding-Dong da Safari Zone. Você será teletransportado para a Safari Zone! Saia de lá e BEM VINDO A GLITCH CITY! A cidade é cheia de gráficos embaralhados do jogo. Aperte o start…e você ficará envolto em água! Use o surf, você pode surfar e pescar em cima dos objetos! Olhe o seu mapa! Sabe onde você está? Isso mesmo, a rota 20! Entre Cinnabar e Seafoam Islands!

A evolução de ’M

Um MissingNo. é aparentemente mais inofensivo que um ’M. Ao tentar capturar ’M é recomendável que você tenha dois espaços vazios em sua equipe. Depois de jogar uma pokébola em ’M e capturar, você permanecerá na batalha e, portanto, será capaz de capturá-lo novamente. Este segundo ’M será registrado como um DITTO se capturado. Capturando o Ditto ou não, mesmo sem um espaço extra na equipe (fazendo ’M ir para o PC), tornará o seu jogo muito mais passível de dar freezes (travadas), e você poderá ter problemas para retirá-lo do PC. Também pode-se notar que, se ’M conseguir qualquer exp. points em batalha, ou for alimentado com uma Rare Candy, irá subir para o lv.100 e evoluir para um Kangaskhan.

Já surgiram vários boatos a esse respeito. Devido a esse fato, muitos acreditavam que ’M seria a pré-evolução de Kangaskhan que foi apagado do jogo antes do lançamento. Já MissingNo. certas vezes transforma-se num Rhydon quando capturado. E quando a criatura é transferida paro o Pokémon Stadium, fica com uma aparêcia similar ao dos pokémons, levando a crer que seria uma pré-evolução dos mesmos. Porém a imagem não passa de um boneco do golpe Substitute (substituto), usado pelo Stadium para preencher um espaço vazio, da mesma forma que em R/G/B é usado o sprite do Ghost da torre de Lavender.

Considerações Finais

Existem muitos mistérios no mundo dos glitches. Por exemplo, a Safari Zone em Gold Silver possui mapas internos. O objetivo inicial era inclui-lo no jogo, mas por causa do bug da Glitch City, resolveram retirá-lo de última hora. Até hoje, para evitar o mesmo bug, não é mais possível salvar o jogo dentro das Safari Zones. Isso é uma prova de que mesmo os jogos mais atuais usam o mesmo núcleo dos da primeira geração.

É importante lembrar que o único MissingNo. que existe é aquele encontrado na 1ª geração. Os outros (inclusive o “ponto de interrogação”) são pokémons glitches, não são MissingNos. MissingNo não existe mais nos novos jogos. Agora os espaços vazios geralmente são preenchidos com sprites de uma interrogação. E não vá pensar que andou vendo MissingNos. em outros games que não são da série pokémon. Existem bugs em vários jogos (para não dizer todos), inclusive bugs que embaralham os gráficos, fazem sair sons estranhos… isso é totalmente “normal”. Alguém não-acostumado com esses bugs (e viciado em pokémon) pode acabar vendo um bug no Mario, Zelda, Kirbi, e pensar que era o Missingno. Esteja certo que MissingNo. só existe (ou não?) no mundo dos pokémons.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on TumblrEmail this to someonePrint this page