Especiais: Pokémon Mystery Dungeon 3

Pokémon Mundo Misterioso: Exploradores do Céu – Além do Tempo & Escuridão
Pokémon Mystery Dungeon: Explorers of Sky – Beyond Time & Darkness

Esse especial foi lançado no programa de TV japonês Pokémon Sunday, para promover o jogo Pokémon Mystery Dungeon: Explores of Sky.
Ele continua a história do especial do segundo jogo da Franquia (PMD: Explorers of Time/Darkness).

Estamos em um Mundo pacífico onde os Pokémons vivem, nesse mundo existe um tesouro chamado engrenagem do tempo que é protegida por Dialga, Uxie, Mesprit e Azelf. Um dia, de repente o tempo começou a se comportar estranhamente, desde então Pokémons ficaram raivosos. Outros Pokémons formaram times de Exploração, que ajudam os Pokémons, e às vezes exploram algum calabouço, atrás de tesouros escondidos. Mas, enquanto no Mundo Pokémon, continuavam acontecendo desastres, logo esse ficou em crise.

Chimchar, Piplup e Grovyle, do especial anterior, aparecem com a trilha sonora, enquanto “agem”, como uma espécie de abertura para o especial. No final disso chega um Lapras e eles partem em direção ao Wigglytuff Guild. Lá os outros Pokémons discutiam sobre o que Piplup e Chimchar estariam fazendo, e se tinham conseguido encontrar a Terra escondida. Sunflora fala que a relíquia do tempo, que foi encontrada por Chimchar é o que pode levar o Time PokeDança (Chimchar e Piplup) até o templo de Dialga, na torre temporal. Depois de mais algumas palavras Wigglytuff, dorme de olhos abertos.

Voltando ao Lapras, Piplup pergunta se o colapso havia começado. Grovyle explica que o fluxo do tempo parou quando ele pegou a engrenagem na Floresta (Início do especial 2), agora eles precisam lutar na torre temporal para que a terra escondida não desmoronasse, mas o Dialga já havia se tornado primitivo. Os inicias de Sinnoh se espantam. Chimchar disse que eles precisariam por a torre temporal sobre a abertura e Piplup completou dizendo que assim eles restaurariam o fluxo do tempo. O Pokémon de grama avisa que Dialga não tornará a tarefa fácil, que eles devem se prevenir atacando, eles precisam derrotar Dialga. Piplup pede para Lapras andar mais rápido, esse responde dizendo que já estão chegando à Terra Escondida.

Piplup, ao chegar à Terra Escondida, lembra de tudo que ele passou ao lado de Chimchar. Ele fala que ainda não sabia se era realmente humano, mas sabia que havia ido para lá para salvar o mundo. Finalmente foi possível ver a Torre Temporal, o lar de Dialga. Lapras explica que eles devem seguir para as Velhas Ruínas, sozinhos porque ele tinha que voltar. A cima das Ruínas havia o Navio de Pedra Arco-íris.

Eles finalmente chegam as Ruínas antigas e correm para o Topo dela, lá Piplup avista uma placa de pedra com algumas palavras antigas, que no futuro ele e Grovyle aprenderiam a ler, como o Pinguim não se lembra de nada que fez no futuro é o Pokémon de Hoenn que lê. Enquanto Grovyle começou a tentar ler, um portal se abriu perto das ruínas. Na placa dizia que a própria ruína é o navio de pedra Arco-Íris, ou seja, era ali o local onde Chimchar teria que colocar sua Relíquia. Grovyle tira um pouco de terra que tapava o local exato onde a relíquia deveria ser encaixada para que o navio os levasse até a torre temporal.

Quando Chimchar foi encaixar a relíquia um ataque vindo de um Sableye o atingiu, o Pokémon noturno aproveitou a distração para roubar a pedra. Depois disso vários outros Sableyes apareceram para cercar Time PokeDança. Dusknoir apareceu atrás deles, o Sableye que estava com a Relíquia a entregou para seu “chefe”. Grovyle perguntou o que Dusknoir estava fazendo, esse respondeu que veio do futuro, com ajuda de Dialga, para acabar com Chimchar, Piplup e Grovyle, ele saiu e deixou o “serviço” para os Sableye. De repente uma Nuvem negra começou a passar pelo mundo, deixando esse parado no tempo.

Finalmente os Sableyes são derrotados com uma combinação dos ataques dos três Pokémons, agora Dusknoir estava quase voltando e Grovyle o impediu disso. Ao ver que os Sableyes haviam sido derrotados, Dusknoir voltou para batalhar contra a PokeDança, ele usou um Poderoso Dark Pulse que atirou os Pokémons longe. Chimchar e Piplup ficam Motivados por ter que ajudar seus amigos. Dusknoir fica surpreso e prepara uma forte Shadow Ball, novamente Grovyle, Piplup e Chimchar combinam seus ataques. Essa combinação somada com o Shadow Ball acerta Dusknoir.




Os Sableye ficam surpresos ao ver seu “chefe” derrotado e fogem para dentro do portal. Chimchar recupera a Relíquia e sobe ao topo das ruínas. Piplup e Grovyle são chamados por Dusknoir, esse avisa que se eles Derrotarem Dialga todos os Pokémons do futuro desaparecerão. Grovyle explica que o tempo Fluirá mais uma vez e os Pokémons viverão em paz pelo que eles fizeram e que esse é o motivo de ele e Piplup terem vindo para o presente. E esse é o único modo de acabar com o Mundo das trevas. Para trazer a paz ao mundo eles estão destinados a desaparecer. E essa foi a promessa que eles fizeram no futuro. Piplup concorda e continua falando com Grovyle, enquanto isso Dusknoir foge e ataca Chimchar. Esse contra-ataca com uma investida, que faz Dusknoir soltar a relíquia que cai, Piplup a pega. Dusknoir usa um forte Dark Pulse em Piplup, mas Grovyle entra na frente do ataque. Grovyle e Dusknoir caem ambos quase sem forças. Grovyle segura os braços de Dusknoir e pula, quando já estava em uma boa altura avisou que iria voltar para o Futuro, junto com o Dusknoir. Depois disso ele jogou as engrenagens do tempo para Piplup e Chimchar e disse para o Pokémon aquático seguir com Chimchar e derrotar Dialga. Grovyle pula no portal levando Dusknoir. O macaco e o pinguim ficam tristes com a despedida de seu amigo, Chimchar continuou decidido a acabar o Mundo das trevas, sem saber que quando isso acontecer Piplup e Grovyle desaparecerão.

Chimchar finalmente coloca a relíquia em seu lugar, ele e Piplup são levados até a torre temporal.




Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on TumblrEmail this to someonePrint this page