Especiais: Hoopa – O Pokémon Travesso

Hoopa – O Pokémon Travesso
Hoopa – The Mischief Pokémon

Após Baraz partir em busca da garrafa de prisão de Hoopa, Meray se lembra como os três cresceram juntos. Ela se lembra do tempo que eram crianças. No Arche Valley vivem pessoas que possuem poderes especiais. Baraz estava treinando seus poderes com as outras crianças, mas Meray e Hoopa ficavam fazendo brincadeiras. Baraz era o mais velho e levava o treinamento a sério.

As crianças pensam numa forma de trazer chuva através dos anéis do Hoopa, mas Hoopa acaba fazendo chover vários doces em cima de um fazendeiro. As crianças são obrigadas a levar os doces de volta à barraca de doces, que é o local de onde Hoopa os tirou. Mira, a dona da barraca. faz as crianças prepararem uma massa de rosquinha. Mira vai embora e as crianças decidem usar os anéis de Hoopa para ajudá-los.

Baraz pede para Hoopa trazer uma grande rocha. Hoopa tira de seu anel um Graveler, que acaba destruindo uma estátua. Meray diz para Hoopa levar Graveler de volta para onde veio. Mira estava se aproximando e as crianças prendem a porta para que ela não saia. Baraz e os outros tentam procurar alguma coisa para substituir a estátua. Hoopa traz uma outra estátua do vale. Mira aparece, nota algo estranho e vai embora.


As crianças percebem que a estátua que Hoopa trouxe era muito grande e pedem para que Hoopa mande-a de volta. As crianças decidem consertar a estátua quebrada. Baraz pede algumas ferramentas para consertar a estátua. Hoopa trouxe algumas que não serviam para o conseto. Ele tenta de novo e consegue algumas para colar as partes quebradas. As crianças tentam arrumar a estátua, mas ela não fica com um visual muito bem. Mira aparece e as crianças se desculpam.

Mira fica nervosa a princípio, mas elogia o trabalho das crianças ao tentarem consertar a estátua. Mira oferece rosquinhas para as crianças. Hoopa fica muito feliz com as rosquinhas. De volta ao presente, enquanto Meray e Hoopa caminham em direção à cidade Dahara, eles decidem comer rosquinhas enquanto aguardam o retorno de Baraz.


Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on TumblrEmail this to someonePrint this page